Receba sua Proposta Técnica Comercial

    Adicionar Unidade

    ISO 45001: sua empresa está preparada para receber esta certificação?

    A área de Saúde e Segurança do Trabalho, também conhecida pela sigla SST, é responsável pelo bem-estar físico e mental dos colaboradores, bem como pela aplicação da legislação trabalhista. Este é um setor vital para muitas e muitas empresas, que lidam diariamente com as mais diversas questões de segurança, dependendo da atividade que desenvolvem, desde os riscos de manutenção e linhas de produção até o transporte de bens.

     

    Equipes especializadas trabalham intensamente todos os dias para que as empresas cumpram as normas reguladoras e para que os colaboradores também contribuam nesse processo, utilizando as ferramentas e os equipamentos de proteção individual corretos (EPIs). Trabalho que exige a realização de treinamentos constantes, inspeções de segurança, o registro e acompanhamento de eventuais ocorrências. E tudo isso importa para o mercado. Empresas que se descuidam ou ignoram as questões relativas à SST tendem a ser cobradas por seus clientes e parceiros comerciais. Acidentes sem respostas e atitudes costumam abalar a marca e a imagem dos negócios. Mas ao contrário das gestões negligentes, muitas empresas se dedicam a alcançar e manter uma qualidade expressiva no trabalho desenvolvido por suas áreas de SST, o que levou muitas a conquistar a Certificação OHSAS 18001.

     

    OHSAS é uma sigla em inglês para Occupational Health and Safety Assessment Series, cuja melhor tradução é Série de Avaliação de Segurança e Saúde Ocupacional. A OHSAS 18001 foi criada para orientar e estabelecer as conformidades relativas ao bem-estar físico de colaboradores, ou seja, ela é sobre prevenção aos acidentes de trabalho. Ocorre que esta certificação foi substituída por uma nova: a ISO 45001.

     

    Com isso, a OHSAS 18001 perderia a validade a partir de março deste ano, porém, devido às complicações geradas pela pandemia da Covid-19, a validade foi estendida em mais seis meses, prazo que acaba nesta semana, no dia 11 de setembro de 2021. A partir de então, a principal certificação para a compliance de Saúde e Segurança do Trabalho passa a ser a ISO 45001.

     

     

    O que difere a OHSAS 18001 da ISO 45001?

     

    O objetivo geral da ISO 45001 e da OHSAS 18001 é o mesmo: reduzir os riscos e garantir a segurança e o bem-estar de todos os envolvidos nas atividades de uma organização.

     

    Apesar de ambas certificações recomendarem a melhoria dos processos relacionados à Saúde e Segurança do Trabalho, existem algumas diferenças básicas entre elas. Enquanto a OHSAS 18001 possui uma metodologia mais reativa ao controle de riscos, a ISO 45001 possui uma abordagem mais proativa, exigindo um maior envolvimento entre equipes e gestores. Assim, a ISO 45001 reforça a importância de ações preventivas, mostrando que um sistema de gestão de SST pode ser mais efetivo e eficiente com medidas antecipadas durante a abordagem de riscos e oportunidades.

     

     

    As vantagens na implantação da ISO 45001

     

    Facilita a implantação de mais de uma norma ISO, com a adoção da Estrutura de Alto Nível, gerando menos conflitos, duplicação e equívocos;

     

    Melhora o gerenciamento dos perigos, riscos e oportunidades relacionadas à saúde e segurança dos colaboradores;

     

    Estabelece controles que reduzem riscos e acidentes do trabalho;

     

    Com a redução de acidentes, há a melhoria da qualidade de vida do colaborador, além da redução dos custos que um acidente pode gerar;

     

    Reduz prejuízos financeiros devido a multas e passivos trabalhistas;

     

    Diminui índices de afastamentos e turn over.

     

     

    Não esqueça da Saúde e Segurança dos colaboradores terceirizados

     

    A saúde e segurança de colaboradores terceirizados também é responsabilidade da empresa contratante. Isto deve ser considerado para quem busca atender as conformidades indicadas pela ISO 45001. Para ajudar as equipes de SST nesta questão, a GAP Sistemas oferece tecnologias que facilitam a gestão de terceiros.

     

    GEC – Gestão de Empresas Contratadas – é um sistema que permite a integração de todos os documentos e o controle sobre as atividades e contratações de colaboradores terceirizados, oferecendo uma visão completa com recursos úteis, incluindo notificações e relatórios.

     

    E para o controle de equipamentos utilizados para a segurança, existe o GEEQUIP – Gestão de Equipamentos de Emergência, sistema que organiza e facilita inspeções, manutenções e acompanhar a vida útil de ferramentas e equipamentos.

     

    Os dois sistemas são utilizados com sucesso por muitas companhias. Você pode ter em sua empresa também, falando com a equipe GAP.

     

     

    Em nosso blog contamos com uma série de artigos dedicados a normas regulamentadoras para SST e relacionadas com a ISO 45001. Clique para acessar:

    NR1

    NR 6

    NR 10

    NR 33

    NR 35

     

    Siga a GAP nas redes sociais:

    FacebookInstagram e LinkedIn.